Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp

Você sabia que essa plataforma do mercado livre é um marketplace e não é um e-commerce? 

De modo simples, isso significa que essa é uma empresa que oferece o serviço de comércio eletrônico para outras empresas e pessoas. Através dela é possível vender, comprar, pagar e também anunciar produtos!

Diferença entre marketplace e e-commerce

A explicação é simples!

O marketplace funciona como um shopping, onde vários lojistas cadastram e vendem os produtos numa plataforma que é gerenciada por uma segunda empresa por meio da tecnologia.

Já no e-commerce, ou loja virtual, a empresa comercializa os seus próprios produtos em seu próprio site. 

Compensa vender através do Mercado Livre?

Essa pergunta será respondida a partir de alguns dados coletados sobre esse mercado

Já de início, vale ressaltar, que o Mercado Livre é o maior marketplace da América Latina, e um dos principais do Brasil. A propósito, aqui no país, é o 5º site mais acessado da web, com 52 milhões de visitas por mês.

A plataforma conta com mais de 10 milhões de anunciantes e vendedores, fornecendo produtos para aproximadamente 211 milhões de usuários ativos, sendo que a cada segundo, nove vendas são realizadas na plataforma.

São números bastante significativos, não é mesmo? É possível notar que vender pelo Mercado Livre faz com que sua marca tenha um reconhecimento maior e mais valioso. 

Saiba como vender no Mercado Livre

Agora que você já sabe como funciona este marketplace, veja informações de como vender por esse canal. 

Criar conta no Mercado Livre

O primeiro passo é se cadastrar como vendedor. Para isso, basta acessar o site do Mercado Livre e clicar na aba “Vender”, que fica no menu superior horizontal. 

Nesse momento, você será redirecionado para a página de cadastro. Selecionando a opção “Sou novo”, você terá acesso a um breve formulário para preencher com as suas informações e criar a conta.

Informe o que você deseja anunciar no Mercado Livre

Em seguida ao cadastro, você deverá selecionar o produto que você vai vender/anunciar no site. O próprio marketplace vai te dar algumas opções. 

Após a seleção dos produtos, você será direcionado para a parte de criação do seu primeiro anúncio. Não será difícil, pois essas etapas são bem indicativas.

Descrição do produto que deseja anunciar

Nesta parte acontece uma simulação de como pode ser o anuncio dos serviços ou produtos da First Soluções, por exemplo. 

Na próxima etapa, você deve preencher as informações gerais, como descrição, imagens, vídeos e observações do seu produto. É importante que isso seja feito da forma mais detalhada possível, pois há estudos comprovando que quanto mais informações os consumidores têm sobre os produtos, mais interesse eles têm em comprar. 

Além disso, você deverá inserir mais informações sobre a sua empresa, as condições de venda e o mais importante: o preço.

Escolhendo um anúncio

Para exibir seus produtos ou serviços no Mercado Livre existem duas opções: modo gratuito ou anunciado.

Esta é a última etapa. Se escolher anunciar, terá algumas opções, que variam por tipo, duração do anúncio, exposição (número de pessoas impactadas), publicidade e a tarifa. 

  • A exibição gratuita possui uma baixa visibilidade e o Mercado Livre não permite para vendedores que possuem acima de uma unidade no estoque de um determinado produto.
  • A exibição com o anuncio alcança mais pessoas e aumenta as chances de vender, de acordo com a opção que você escolher. 

Seguindo esses passos você estará apto para vender no Mercado Livre. 

Como vender bem pelo Mercado Livre?

Apesar de o Mercado Livre possuir milhões de acessos diários, não significa que você vai vender apenas por esse motivo.

Existem alguns fatores que precisam ser considerados desde o momento em que ocorre o anuncio até o momento em que o cliente finaliza a compra.

Dê uma olhada nas dicas abaixo para aumentar suas possibilidades de vender bem no Mercado Livre.

Imagens

Boas imagens do produto ou serviço oferecido servem como incentivo, induzindo seus possíveis clientes a realizar a compra sem objeção.

Recomendamos que você utilize:

  • Imagens de alta qualidade, de preferência imagens próprias;
  • Fotos com ângulos alternativos que mostre detalhes do produto;
  • Contexto de utilização do produto;

Vídeos

Para disponibilizar mais informações sobre a capacidade e funcionalidade de um produto, aposte nos vídeos, além das imagens e descrições.

Esse demonstrativo pode ajudar muito no momento de decisão de compra do seu cliente, pois esse tipo de conteúdo pode evitar uma possível insatisfação com o produto adquirido.

Avaliação do público

Depois de montar tudo isso para entregar um bom produto aos clientes, é hora de saber como o público está avaliando sua loja! Chamamos de prova social, isto é, você deve procurar pelo retorno dos consumidores nas avaliações da sua loja no Mercado Livre.

Por fim, atenção a essa informação sobre vender no ML

É importante lembrar que grande parte dos marketplaces cobram por comissão em cima do volume de vendas. Ou seja, uma porcentagem do valor de suas vendas será direcionada para a plataforma. 

Outro lembrete importante é sobre o estoque. Para anunciar os seus produtos no Mercado Livre, é preciso que você tenha um controle de estoque muito eficiente, ainda mais quando a empresa já possui um e-commerce e quer adicionar a oferta no marketplace para expandir os canais de venda. 

Por fim, esperamos que essas informações tenham ajudado a compreender a lógica de um marketplace na teoria e na prática.

E agora que você já sabe tudo sobre vendas no Mercado Livre, aproveite para ler os demais artigos do blog da First para conhecer mais sobre otimização de e-commerce, vendas, marketing digital, gestão e muito mais!

Gostou desse conteúdo ? Compartilhe com seus amigos.